Conhece os autocolantes ‘Publicidade – Não Obrigado’? Imagino que até tem um deles colado na sua caixa de correio. Para evitar que esta fique cheia de papéis com informação desnecessária e vê-la invadida por lixo. Quiçá prefere até a fartura das facturas de água, luz, TV, internet e etc.!

Da mesma forma, em relação ao seu correio electrónico, pode também optar por receber apenas o que lhe é directamente dirigido, por constar numa base de dados à qual deu autorização para guardar os seus dados, ou então limitar-se a indicar esse mesmo correio como SPAM (publicidade não desejada) e o programa que utiliza para ler os seus e-mails fará o favor de o eliminar.

Mas… Na sua vida profissional tem por objectivo vender algo? Necessita publicitar algum produto? A sua empresa tem clientes a quem possam interessar os seus serviços? Se respondeu sim a alguma destas questões pode ter a certeza de ser uma pessoa absolutamente normal, pois todas as empresas e respectivos funcionários têm uma necessidade imperiosa de vender algo a alguém para se manterem a laborar e para manterem os postos de trabalho activos.

A expressão Mail Marketing surgiu para definir o envio de mensagens de carácter informativo e/ou publicitário para endereços registados na base de dados do remetente. Nada tendo a ver com o envio de correio massivo para endereços não registados, ele é, no entanto, muitas vezes confundido como tal. Contudo, as suas vantagens são bastantes. Aos destinatários apenas é remetido conteúdo que eles optaram por receber, logo, com informação pertinente e relativa às suas necessidades, gostos e preferências. E os remetentes apenas enviam mensagens (newsletters, promoções, lançamento de novos produtos, etc.) a quem forneceu o endereço voluntariamente, evitando assim tornarem-se incómodos e garantindo maior probabilidade de criar ocasiões de compra ou negócio.

Graças ao E-mail, o lixo na caixa de correio foi substituído pelo envio de mensagens úteis a quem recebe e a quem envia, adaptáveis a cada cliente potencial, produzidas num espaço de tempo curto e com um custo infinitamente mais baixo. Veja aqui algumas das principais vantagens do Mail Marketing – para a sua próxima campanha!

Visibilidade: A primeira coisa que uma pessoa faz quando liga o computador é verificar os e-mails;

Segmentação: Quando alguém se regista num site é natural que responda a alguma perguntas que nos permitem saber mais acerca dos nossos clientes idade, localidade, interesses, … ;

Interatividade: Com um simples clique na mensagem do email as pessoas podem visitar o site do remetente;

Agilidade: a possibilidade de enviar milhares de e-mails num curto espaço de tempo e aferir o resultado dos mesmos;

Relação custo X benefício: O custo para enviar e receber e-mails é quase zero e o retorno de uma campanha de e-mail marketing é enorme, pois reflecte-se na relação de credibilidade entre a empresa e o cliente.

fonte: João Nuno Patrício, Marketing Director YCORN.COM



Segunda, Junho 2, 2014

« Voltar